quarta-feira, 26 de agosto de 2009

Lar, doce lar

Hoje, quarta-feira, é o meu único dia livre na faculdade. Quer dizer, não deveria ser um dia livre, por que temos que estudar todos os dias, mas não há aulas nem grupos. A aula de segunda para quem não sabe nada de espanhol foi um sucesso. O professor é muito dinâmico e divertido. Adorei também ter aula em Gløshaugen, campus da NTNU onde se encontram as faculdades mais voltadas para exatas - engenharia, física, química, etc. Os prédios são mais antigos e dá uma certa nostalgia saber que há séculos havia estudantes andando por aqueles corredores.

Na segunda também tive aula de língua espanhola, que não é um curso do idioma, mas sim um curso sobre como o idioma é construído. Mais difícil, mas interessante. Cheguei à conclusão de que falantes de português que acham que espanhol é fácil estão redondamente enganados. Acho até que é uma desvantagem falar um idioma tão parecido, por que acabamos usando palavras portuguesas que não se usam em espanhol. Vou ter que falar muito até aprender a distinguir os idiomas.

Ontem, terça, teve aula de história e cultura latino americana. A professora quer que todo mundo participe e fale, o que eu achei ótimo, e haverá uma prova oral para todos mostrarem o que sabem. Eu marquei a minha para o final do semestre. Uma surpresa foi uma garota norueguesa que veio falar comigo no intervalo - em português perfeito! Ela me disse que havia morado em Birigüi, interior de São Paulo durante 6 meses e estava querendo aprender espanhol, mas achava muito difícil, pelos mesmos motivos que eu. Achei fofo quando ela disse que acha português muito mais bonito de se falar que o espanhol. Espero que ela não desista, seria legal ter uma colega um pouquinho brasileira.

Escola à parte, a grande novidade da semana é que finalmente, depois de mais de um ano morando com os sogrinhos, vamos alugar um apartamento! :D Segunda-feira fomos ver um no centro de Trondheim e eu e o Morten nos apaixonamos à primeira vista. O aluguel é razoável, e inclui a eletricidade, que aqui na Noruega é uma das coisas mais absurdamente caras que eu já vi. Meu marido vai poder ir a pé para o trabalho e eu tenho ônibus para a faculdade e para o trabalho na porta. O apartamento fica no último andar, o que reduz demais o barulho da rua. O prédio e o apartamento são muito charmosos! Vou postar fotos depois. Vamos tentar nos mudar já na semana que vem. Nunca morei no centro de uma cidade, vai ser mais uma experiência nova para mim. Mal posso esperar!

4 comentários: