quinta-feira, 4 de outubro de 2007

Visitinha surpresa

Ontem, quando faltava pouco para eu terminar a limpeza no shopping e eu lustrava os vidros da porta de entrada do lado de fora, vi uma senhora me encarando de dentro do shopping. Pensei: "Vixe, deve ser meio lelé da cuca". Acabei o serviço nos vidros e fui para o outro lado do shopping fazer a limpeza. Minutos depois, a mesma senhora se aproximou de mim e eu notei que ela usava o uniforme da ISS, empresa para a qual trabalho. Ela se apresentou e foi aí que eu percebi que tratava-se de um controle. Ela veio ver se eu estava fazendo o serviço direito. Felizmente, ela estava satisfeita, exceto por algumas coisinhas que eu não sabia que eu deveria fazer. Mas, hoje já tratei de consertar isso.

Ainda no trabalho, mais uma decepção, ou desilusão. No outro local onde eu trabalho, notei que minhas luvas descartáveis estavam sendo afanadas por uma outra faxineira. Puxa, pensei que aqui podíamos deixar nossas coisas num lugar que ninguém mexeria. Tá bom, viu... Já tratei de sumir com as luvas para evitar ser assaltada novamente.

Bolo no café da tarde

No curso de norueguês (o curso gratuito oferecido pelo governo) ontem teve bolo, por que duas meninas acabam de completar as 350 horas de curso obrigatório e estavam se despedindo. Foi muito divertido.

Míni férias

Hoje eu não terei aula de studiekompetanse à noite por que a professora viajou. E semana que vem, como eu já contei no outro post, será 'høstferie'. Vai ser bom ter os restos dos dias livres depois do trabalho no shopping, embora eu tenha aquele livro em nynorsk para ler. Estou entendo o geral, mas tenho que usar o dicionário em papel e os dicionários ambulantes (marido, Valborg, Anne Brit) para entender algumas palavrinhas.

Antes tarde do que nunca

Anteontem, caminhando para casa do centro (esta semana fiz esta caminhada de cinco quilômetros três vezes, economizei três passagens de ônibus e devo ter perdido algumas gramas) encontrei a Tatiana, aquela brasileira que mora aqui e que eu ainda não tinha conhecido pessoalmente. Conversamos e eu a indiquei para minha chefe, pois ela está procurando emprego. Adorei conhecê-la e mais ainda, adorei ajudá-la.

Nenhum comentário:

Postar um comentário